Staging - Sistema FAEP/SENAR-PR

Em 2014, carnes responderam por 18% da receita do agronegócio

Como resultado de aumentos de 1,87% no volume embarcado e de 1,82% no preço médio, a receita cambial das carnes em 2014 aumentou 3,73%, superando a casa dos US$17 bilhões.

Tão importante quanto: com esse aumento, a participação das carnes na receita cambial dos produtos do agronegócio aumentou 7,18%, subindo de 16,81% em 2013 para 18,02% no ano que passou.

As carnes avícolas não participaram desse aumento, já que a receita cambial do frango recuou perto de meio por cento, enquanto a da carne de peru caiu mais de 27%.

Mesmo assim, os dois produtos permanecem como os principais formadores da receita cambial das carnes, respondendo em conjunto por 47,4% da receita total do segmento.

Carnes bovina e suína responderam por, respectivamente, por 41% e 9% do total. Este inclui ainda outras carnes, não especificadas nos dados divulgados.

Fonte: Avisite

André Amorim

Jornalista desde 2002 com passagem por blog, jornal impresso, revistas, e assessoria política e institucional. Desde 2013 acompanhando de perto o agronegócio paranaense, mais recentemente como host habitual do podcast Boletim no Rádio.

Comentar

Boletim no Rádio

Galeria | Flickr

  • AX4A4228
  • AX4A4219
  • 04128_LIDERES_2022
  • 08760_LIDERES_2022
  • 04117_LIDERES_2022
  • 04039_LIDERES_2022
  • 04069_LIDERES_2022
  • AX4A4850
  • 03552_LIDERES_2022

Boletim no Rádio